No habitissimo queremos ajudá-lo a escolher os melhores profissionais para a realização dos seus projetos.

Sabemos que é um momento muito importante para si e, por isso, queremos acompanhar e facilitar todo o processo de decisão.

Colocamos assim à sua disposição diversas ferramentas para facilitar a seleção do melhor orçamento.

10 conselhos para contratar um profissional

Quer remodelar a sua casa de banho ou cozinha? Trocar o parquet? Instalar um toldo ou ar condicionado? Pintar o quarto do seu filho? Restaurar a fachada da sua propriedade? Necessita de um arquiteto ou de um decorador de interiores para o seu novo negócio? Construir a casa dos seus sonhos? Fazer uma mudança? Não importa o que pretenda fazer, o mais importante e as vezes o mais difícil, é encontrar um bom profissional ou uma empresa séria.

No Habitissimo queremos ajudá-lo a encontrar os melhores profissionais e empresas para a realização das obras que o seu lar necessita. Por isso, passamos a indicar-lhe 10 conselhos básicos para contratar com sucesso um profissional, sem truques ou custos adicionais:

1

Tenha claro o que pretende realizar

A primeira coisa que deve ter em conta antes de começar qualquer projeto é saber exatamente o que pretende fazer. Informe-se de tudo com alguma antecedência. Por exemplo, se pretende remodelar a sua moradia, decida quem comprará os materiais. Assim, os profissionais e as empresas poderão apresentar-lhe um orçamento ajustado às suas necessidades. Evite todos os extras e sobretudo qualquer alteração no projeto, uma vez iniciadas as obras. Quantos mais imprevistos surgirem mais dispendioso e demorado tornar-se-á o projeto.

2

Sem pressas

A pressa sempre foi inimiga da perfeição. Normalmente, os melhores profissionais e empresas estão sempre ocupados, dado que a maioria das pessoas recorrem a estes profissionais para a realização dos respetivos trabalhos.Ter muito trabalho pode ser um bom indicador de que está perante um profissional ou uma empresa séria e competente. Desconfie dos profissionais que lhe dizem que podem começar, sem quaisquer problemas, um projeto de grande envergadura logo no dia seguinte. Sem dúvida alguma vale a pena esperar algumas semanas para ter um bom profissional encarregue do seu projeto.

3

Consiga sempre mais de um orçamento

Consiga ao menos 3 orçamentos para a sua ideia ou projeto. Deste modo poderá comparar preços, qualidade dos materiais e verificar o modo de atuação do profissional na apresentação dos seus serviços e respetivo profissionalismo. Faça uma distinção entre meras estimativas e orçamentos reais. Os orçamentos deverão ser apresentados por escrito e devem conter detalhadamente todos os materiais e trabalhos a realizar. Desconfie dos orçamentos com preços muito baixos, porque o barato pode sair-lhe muito caro.

4

Comprove se o profissional ou empresa está vinculada a alguma associação

Os bons profissionais e empresas costumam pertencer às Associações Profissionais de seu setor. Em alguns casos até pode ser obrigatório. Comprove se estão associados já que estas Associações costumam obrigar os seus membros a respeitar um Código de ética ou determinados preços. Além disso, normalmente existem mecanismos para resolver eventuais conflitos que possam surgir e, desta forma, terá a quem recorrer no caso de uma reclamação.

5

Consiga referências

É imprescindível, sempre que possível, certificar-se que o profissional a contratar já realizou anteriormente trabalhos similares ao seu projeto e com a qualidade pretendida. Assim, deve pedir referências antes de contratar um qualquer profissional. No Habitissimo os melhores profissionais e empresas têm ex-clientes satisfeitos que deixaram a sua avaliação. Desconfie entretanto das avaliações que não parecem ser feitas por particulares e onde tudo é perfeito. Ainda que o nosso Departamento de Qualidade reveja todas as avaliações que são publicadas no Habitissimo, pode acontecer que alguma delas passe despercebida. Um bom profissional ou empresa não terá muitos problemas em conseguir várias avaliações positivas.

6

Assine um orçamento ou um contrato e certifique-se que cumpre com todos os requisitos necessários

Não comece uma obra antes de assinar um orçamento ou um contrato que detalhe de forma minuciosa, num único ou vários documentos, todos os trabalhos a serem realizados, marcas e qualidade dos materiais, preço, condições de pagamento, prazos, garantias dos serviços, etc. Um orçamento ou um contrato assinado é um documento vinculativo para ambas as partes e a alteração de quaisquer condições somente é possível quando as partes estão de acordo e tais alterações devem constar de um aditamento.

Certifique-se igualmente que possui todas as autorizações necessárias à realização do seu projeto. Por exemplo, se precisa de fazer uma mudança e precisa contratar uma empilhadora, certamente terá de ocupar a via pública e portanto necessitará de uma autorização da Câmara Municipal. No caso de algumas remodelações (modificações na estrutura de estabilidade, das cérceas, da forma das fachadas e da forma dos telhados dos imóveis, etc.) também necessita de licença, comunicação prévia ou autorização da Câmara Municipal e consequentemente de um projeto técnico de um arquiteto ou de um engenheiro. Se as obras incidirem sobre as partes comuns de um prédio será necessário igualmente uma autorização por parte da assembleia de condóminos. A empresa a contratar poderá ajudá-lo com todos os documentos necessários.

7

Certifique-se de que têm um seguro válido

Todos os profissionais e empresas sérias têm seguros de responsabilidade civil para cobrir possíveis danos aos seus bens e aos dos seus vizinhos. Desconfie dos que não tem seguro. Em caso de acidente ou danos a terceiros pode ser tu quem arque com as consequências.

Nos perfis de empresas do habitissimo, verá que muitos profissionais ativaram os Selos de Qualidade. Um deles é selo de profissional ou empresa verificada. Ainda que verifiquemos que a empresa tenha os documentos em dia no momento da ativação do selo, recomendamos-lhe que confirme com o profissional se os documentos estão em vigor antes de realizar o trabalho.

8

Pagamento fracionado

Nunca pague tudo de uma só vez nem pague adiantado. Combine com o profissional como o pagamento será realizado nas diferentes etapas do trabalho. Deste modo, assegurar-se-á de que paga apenas por um serviço pelo qual ficou satisfeito. Deixe sempre uma percentagem pendente para o final. Assegure-se de que as condições de pagamento estão refletidas no contrato ou orçamento.

9

Envolva-se nos trabalhos

A melhor maneira das coisas saírem como quer é que se envolva de forma ativa no trabalho a ser feito e que fale frequentemente com o responsável pela equipa profissional. Não há nada melhor para evitar mal entendidos que uma comunicação aberta, continuada e com respeito entre as partes envolvidas. Se eles sabem o que pretende e simultaneamente sabe o que eles estão a pensar fazer, é muito mais fácil para que não sejam cometidos erros dispendiosos.

10

Garantia do trabalho

Deve obter algum tipo de garantia sobre a qualidade dos trabalhos realizados e pelos quais pagou. Certifique-se de perguntar antes de começar os trabalhos e que esta fique por escrito.